sábado, 10 de setembro de 2011

A VERSÃO DELA

A VERSÃO DELA*

Ele ejaculou enchendo minha vagina da sua porra quente. Eu de quatro movimentava-me também pra conseguir o meu gozo, e ele veio. Veio estelar, pletora de alegrias, plêiade de estrelas.

Ele gozou.

Eu gozei.

Gozamos juntos, e isso foi o céu, o paraíso!

Depois do gozo, levantei-me, fui ao banheiro, fiz meu xixi e caí na cama, nua e dormi a noite inteira, sem nada ver, sem nada perceber e um sorriso maroto brincou nos meus lábios e assim a noite passou.

Nada vi.

Nada percebi. E acordei ao lado dele na manhã seguinte.

Isso é amor.

* O relato foi feito pela minha namorada N., eu somente o transcrevi.

5 comentários:

  1. Confesso que esperava mais, mas como vc apenas transcreveu, é aceitável. É possível que seja amor, afinal, se fosse o contrário, não haveria tanto desperdício...desceu rápido do paraíso. Com certeza é AMOR, o sono veio muito rápido.
    Mesmo curtinho... gostei de ler!
    Abraço.
    ??

    ResponderExcluir
  2. Luiz Carlos Loureiro10 de setembro de 2011 17:18

    olá professor, gostei do texto, entretanto podia ser uma pouco maior explorando mais esse momento quente, mas conforme voce disse, ele foi transcrito. porém, esse texto não deixa de ter seus merecido méritos. parabéns e continue assim!

    ResponderExcluir
  3. Curtinho ou não, o fato é que você soube "transcrever" muuito bem, viu?! Muito bom, professor!

    ResponderExcluir
  4. ''MUITA COISA QUE ONTEM PARECIA IMPORTANTE OU SIGNIFICATIVA AMANHÁ VIRARÁ PÓ NO FILTRO DA MEMÓRIA.MAS O SORRISO(...)AH,ESSE RESITIRÁ A TODAS AS CILADAS DO TEMPO... "CAIO FERNANDO DE ABREU

    ResponderExcluir
  5. Essa mulher deve ser louca por voce, ein? Caramba!

    ResponderExcluir